WhatsApp DataCentrics Corporate Cloud Telefone DataCentrics Corporate Cloud
55 51 3021-0300

O que você deve saber sobre missão crítica

Conheça quais são os principais pontos que você deve ter conhecimento sobre missão crítica e como atuar para evitar qualquer crise na área de T.I. da sua empresa.

Imagine se o sistema de banco de dados de uma agência bancária simplesmente parasse de funcionar? Com certeza isso traria consequências terríveis e os prejuízos seriam enormes. Para evitar esses transtornos, as empresas acabam por montar seus sistemas como sendo de missão crítica.

Mas o que é missão crítica? Basicamente, missão crítica é um fator crucial para evitar a total paralisação de qualquer serviço que seja importante e essencial no negócio. Esses fatores podem ser equipamentos, procedimentos, softwares e entre outros.

Para determinar o tipo de tecnologia e equipamentos que serão utilizados no ambiente de missão crítica, primeiramente é visto o nível de importância do negócio e da operação.  Se não houver um equilíbrio, a empresa pode investir mais do que o necessário na área ou, na pior das hipóteses, investir menos e acabar verificando que seu investimento não valeu a pena.

Um exemplo bem comum é uma rede de lojas, que em nenhuma hipótese pode ficar sem acesso ao seu banco de dados. Devido ao grande número de clientes sendo atendidos, para esquivar-se dessa situação, a loja usa algumas medidas para continuar operando, mesmo caso perca a conexão com uma base central ou utilizando o sistema da filial mais próxima para que as operações continuem enquanto o sistema paralisado é verificado.

Quando citamos o funcionamento e a paralisação de um sistema levamos em conta os termos Uptime e Donwtime.

Uptime – é a quantidade de tempo que um sistema de computador está ligado e desempenhando atividades computacionais sem interrupção do estado em que se encontra operando.

Donwtime – é o período em que um sistema de computador ou algum de seus componentes permanece inativo por algo inesperado ou para fins de manutenção.

Algumas soluções possíveis são bem praticadas no mercado, como por exemplo a BIA (Business Impact Analysis), um fundamento para obter os principais riscos nos processos de negócios. Em toda a análise para conceber a BIA, são realizadas entrevistas com os gestores de processos de negócios e análises complementares para identificar os tempos de intervalo permitidos pelo negócio, impactos financeiros, institucionais, regulatórios e de imagem de cada um em caso de interrupção.

Os processos de negócio têm um impacto na BIA, tanto qualitativo quanto quantitativo, mostrando o objetivo de retorno (RTO) que cada um possui e trazendo o menor impacto ao negócio (RPO), tirando uma base para o maior entendimento da organização e traçando estratégias para o futuro da empresa.

Segurança no ambiente

O aspecto de segurança também é essencial em um ambiente de missão crítica, uma vez que o local onde se encontram os computadores que farão parte do sistema tem que ser protegido para evitar futuras intervenções e uma eventual queda do sistema.

Para isso, o ideal é que os computadores onde irá ficar o seu ambiente estejam em uma sala com proteção a incêndios e tenha uma climatização adequada. Outro fator importante é se a sala fica no subsolo, pois com isso ela terá que ser protegida também por eventuais enchentes.

O controle de acesso também é algo a ser trabalhado, visto que pessoas autorizadas a entrar na sala de servidores devem obedecer políticas e dar satisfações sobre o que foi feito na sala. Se um funcionário sair de uma empresa, suas senhas teriam que ser eliminadas, evitando um acesso remoto que poderia causar algum prejuízo.  

Conclusão

Na era da informação, não podemos diminuir a precaução em relação aos riscos que a área de TI passa todos os dias. Não existe qualquer sistema à prova de falhas e nenhum sistema não é 100% seguro. Sendo assim, não se limite a uma solução, procure sempre outras opções e não subestime os riscos, mesmo que mínimos, pois em algum momento algo errado pode acontecer.

Você já faz uso da missão crítica em sua empresa? Não deixe de assinar a nossa newsletter e receba matérias exclusivas.

VOLTAR